quinta-feira, 21 de abril de 2016

A importancia dos avós!

 No início a gente meio que enlouquece...elas dão muitos palpites, elas querem ficar com nossos filhos nos braços, fazer tudo que queremos fazer mesmo cansadas. E elas, claro, querem deixar a gente descansar. E também querem reviver o "ter a um bebe em braços", vamos falar a verdade, ne? rsrsrs

Então no inicio pode ser complicado, principalmente com a sogra ( la quiero muchisimo a la mia) mas, nao é sua mãe, ne? Então aquele "chega pra lá que disso cuido eu" tem que ser bem mais delicado. Coitada de minha mãe, nunca fomos delicados com ela...isso é verdade. Sempre fomos crianças muito sinceras e dávamos varios "chegas pra lá" na minha mãe quando ela simplesmente estava fazendo seu papel de mãe : ronda os crios para saber o que esta acontecendo! hahaha

Então o tempo passa, nosso filhos crescem, nós crescemos e chega o momento que toda mãe vê a importancia da relação com os avós. Eu , sinceramente, demorei uns 2 anos, tarde para uns, cedo para outros...o tempo ideal é o tempo de cada um. Eu sempre disse a meu marido: Para quê vou deixar minha filha com sua mãe se eu nao vou estar bem?

E então Maia foi crescendo e eu fui cedendo e tudo fluiu perfeitamente porque foi tudo no seu tempo. Se é verdade que avós deseducam? Nao! Mas é verdade que mimam e que sempre que voltam da casa dos avós eles testam para ver se em casa podem ter o mesmo...mas cada vez mais eles ja vão sabendo onde podem fazer cada coisa!

Agora tem uma questão muito seria, é que os avós tem que respeitar a linha de educação e a rotina imposta pelos pais. Principalmente quando são pequenos que a rotina é t-u-d-o! E mesmo respeitando sempre muda um pouco só pelo fato de estarem em outro ambiente. Nisso eu tive sorte com minha sogra, ela respeita nossas "instruções"...vai ver ela também sabe o filho que tem! rsrsrsrs

Agora, que os conte a minha sogra....que Maia sabe como manipular ...aaaa isso ela sabe! Outro dia deu o maior trabalho para dormir na casa da abuela ( também ja era a segunda noite sozinha, tinha brincado muito...tudo sao fatores para um "desandamento"). Mas cada vez mais eu tenho certeza que essa relaçao é o melhor que há ! Para as duas! A maior aprende que por mais avó que seja, que ja tenha criando os seus filhos, os netos também necessitam uma criação por parte deles, um exemplo, limites com amor e daí vem a segurança! E com isso eu tenho que confessar, minha mãe tira de letra, um 10! Ela nao é dura como eu, claro, ela é AVÓ. Mas com sua experiencia em pedagogia e muito contacto com crianças...seja neto ou nao neto, essa mulher saber colocar limites! hahaha

E para Maia , acho que ela começa  a aprender  o que é familia , que ela tem mais alguém que papa e mamãe, que deve respeitar a mais gente que papa e mamãe...enfim, acho que estar com os avós é o começo da vida independente deles, do contato com o "mundo la fora!" E nada melhor que o mundo la fora na casa dos vovós, não é mesmo?

Acabou a folga!! Fuiz! beijinhos!


Um show para a abuela!

Casa dos bisas...aqui pode tudo!

hehehe...apronto todas na casa da minha abuela!




7 comentários:

  1. Um beijo no coração! ��❤️ É muita emoção "vovó sem fronteiras"! ��������

    ResponderExcluir
  2. Beleza Niquinha.Experiências que nos fazem crescer.

    ResponderExcluir
  3. Beleza Niquinha.Experiências que nos fazem crescer.

    ResponderExcluir
  4. Casa dos avós dá um livro de história , histórias inesquecíveis e realmente de grandes aprendizados. Viva avós , abuelas, bisas e bisos. Viva a família 💖

    ResponderExcluir
  5. Viva as vovós! Eu tenho fortes lembranças das minhas. Muito ajudaram na minha formação.����������

    ResponderExcluir
  6. Ė Dora! Perfeito texto Nique! Os avós são nossos pais com açúcar, e vc está sabendo dar a medida certa com sabedoria e carinho. Bjs

    ResponderExcluir