terça-feira, 7 de junho de 2016

A segunda gravidez...

A segunda gravidez a gente esquece! Sim, eu pelo menos, diversas vezes ao dia me esqueço que estou grávida! Afinal, estou tão atarefada e atrás de Maia.

A segunda gravidez é mais difícil! Sim, se você tem a má sorte de sentir enjoos, falta de disposição, sono e irritação como eu...claro que é mais difícil!  Pelo mesmo motivo pelo qual você esquece: você tem outro pimpolho dependente de você e normalmente em uma fase de energia total, em uma fase que esta te testando a cada segundo ( "rarê-baguandi!") e que percebe que alguém vem ai porque também, inexplicavelmente, te pede mais abraços e mimos ( parte boa!)

Para quem não sabe, no verão , David trabalha e uma praia chamada Pantin, fica a 1 hora da nossa casa, normalmente começa em Abril , tem que "reformar" a casa fechada todo o inverno, entrar em contato com muita gente, rever material, etc etc. Então a partir de Abril ele anda mais lá que aqui. Todo os verões vamos para ali na autocaravana e eu estou "ilhada" nessa linda praia por uns dois meses, o primeiro verão eu aguentei. Maia era um bebe, o segundo já me incomodei mais e comecei a passar metade da semana lá, metade aqui...e agora, no terceiro verão a tensão já tomava conta dos nossos corpos e definitivamente decidimos nos mudar! 

Porque a praia é linda, mas é só praia! Não tem supermercado perto, parque para Maia, crianças para brincar e amigos para conversar! Tem o pessoal que vem e que vai do surfcamp, mas uma vez eu comentei que essa vida de “viageiro” mesmo sem ser, cansa. A galera está em outra intensão, quer festa, quer tomar cervejinhas no verão e você esta com um bebe pequeno que só quer que ele se distraía muito para se cansar e deixar você descansar! Fora que você nao tem seu dia a dia (pilates, piscina..o que for!) Kkkk


Quantas mudanças! Como diz minha mãe, na minha vida nada é na calma, nada é normal. E então estamos correndo atrás para mudar já, ontem! E se tudo der certo, final desse mês já estarei em um novo povoado chamado Cedeira.

Assim, David pode ampliar os meses em que trabalha e também minha sogra mora em essa cidadezinha. A família de David é toda de la, e no final, quando a coisa aperta a gente chama é a mãe, não é mesmo? Pois quem não tem mãe caça com sogra, com marido de sogra, sogra de sogra, tio de marido, tia de marido…..e assim vai! E assim a gente “vévi”. Porque eu foi confessar, viu? É….não é fácil não! Casa, comida, roupa lavada , filho de 2 anos e outro na barriga e marido fora…HELP ME GOD!

Vamos torcer por nossa mudança, estou super animada e louca para começar uma nova vida de novo!

Beijos que já é tarde e minha filha madruga!!

Fuiz!

Cara de sapeca!

Colinho de mamãe sempre!

Amor de papa sempre!

 O verão chegou!!!





3 comentários:

  1. Boa sorte aí! O bom ê que tudo é ferro! Passa! Rs bjs

    ResponderExcluir
  2. É isso aí, como sempre digo o importante é que quando fizermos nossas opções, procuremos resolvê-las sem estresses! Se temos certeza do que queremos, sempre um jardim se abrirá! Onde há o amor do querer, sempre existirá um querer com muitoooo amor! Daqui sempre a energia do "axé" que essa linda família curta demais! Breve estaremos curtindo um pouco ( com um imenso amor, portanto curtição intensa) mais um novo membro da família! ������❤️������������. Bjsss, até lá! ❤️❤️❤️❤️❤️❤️❤️

    ResponderExcluir
  3. Vocês são guerreiros e vencedores. Bjs.

    ResponderExcluir